Ítalo Ferreira e Mari Azevedo (Foto: WSL)

É óbvio que surfistas são apaixonados pelo mar e amam desbravar o mundo atrás das melhores ondas. Passado o Dia dos Namorados, porém, alguns atletas da Word Surf League (WSL) contam quem são suas verdadeiras paixões. O atual campeão mundial, Ítalo Ferreira, fala de Mari Azevedo; o quarto melhor surfista da atualidade, Filipe Toledo, de sua “parceria bem-sucedida” com Ananda Marçal; Adriano de Souza, campeão mundial de 2015, não poupa elogios à esposa Patrícia Eicke de Souza; e Tatiana Weston-Webb, a brasileira que tem vaga garantida nos Jogos Olímpicos 2021, enaltece o noivo e também surfista profissional Jesse Mendes.

Não é à toa que o “Brazilian Storm” veio para ficar e, cada vez mais, consolida a posição dos brasileiros na elite do surfe mundial. Atletas de alto rendimento como eles ralaram muito para chegar onde estão com dedicação, preparação física intensa, alimentação balanceada e uma rotina mais regrada, pois antes mesmo de o Sol nascer já estão a postos para surfar. Em meio a uma agenda repleta de compromissos e eventos pelo mundo, cada um conquistou seu grande amor.

Lá de Baía Formosa, no Rio Grande do Norte, o campeão do Championship Tour 2019 comemora os quase dois anos de namoro com a carioca Mari Azevedo, com quem passa esse período de isolamento social. “Ela é alegre e muito perfeccionista. Melhor impossível, nos cuidando e tentando aproveitar ao máximo sem pensar no dia de amanhã, até porque não sabemos o que vai acontecer com essa loucura no mundo. Amo a companhia dela, só que em momentos quando ataca a TPM eu corro para a água, mas isso faz parte do relacionamento né?!”, brinca o potiguar Ítalo Ferreira.

Filipe Toledo, que trocou as águas de Ubatuba (SP) pelas de San Clemente, na Califórnia (EUA), está há cinco anos com Ananda Marçal, com quem tem dois filhos – Mahina, três anos, e Koa, de dois – e tem o privilégio de contar com a família durante todo o Circuito Mundial: “Sem dúvida ter a presença deles comigo nas etapas é maravilhoso, sinto uma energia extra para alcançar o melhor de mim nos eventos, é incrível”, diz Filipinho, filho do ex-surfista Ricardo Toledo. “Admiro a pessoa que a Ananda é, o coração enorme, a empatia de toda a hora se colocar no lugar do outro. Admiro a mulher, mãe, amiga e filha que é! Foi isso que me deixou apaixonado por ela”, elogia.

Cinco anos de casamento e mais cinco de namoro tornaram o amor e a cumplicidade de Adriano de Souza e Patrícia Eicke de Souza cada vez maior. “Nosso relacionamento é muito legal e estou bem feliz porque aprendemos demais juntos. Passamos por alegrias, tristezas e a parceria vem crescendo. Vamos convivendo com os desafios e os superando”, ressalta o campeão Mineirinho. “Patrícia veio de uma base familiar sólida que só trouxe virtudes para ela, que é muito guerreira e vem se tornando uma grande empreendedora. Estamos juntos nessa caminhada.

Receber flores colhidas na hora, curtir um pôr do sol romântico no Havaí e um jantar em casa era o programa previsto para o dia dos namorados de Tatiana Weston-Webb e Jesse Mendes, que passam o isolamento social juntos em Kauai, onde reside a atleta. Noivos, o casal completará seis anos de relacionamento em julho. “Ele é o melhor noivo do mundo, tem muita paciência, acredita em Deus e tem uma comunicação muito boa comigo, o que acho importante para um relacionamento dar certo”, explica Tati, sexta colocada no ranking mundial. “É muito mais fácil se relacionar com uma pessoa que faz e gosta das mesmas coisas que você. Um motiva o outro, dentro e fora d´água, e isso é especial e maravilhoso, além de que gostamos de coisas simples e combinamos nisso também”, finaliza.

“Namoradas e namorados” contam como são os atletas da WSL no dia a dia:

Mari Azevedo (namorada de Ítalo Ferreira) – Nascida e criada no Rio de Janeiro, é atriz e cantora e no início do namoro fez uma música para o campeão chamada ‘Cheiro de Café’: “Namorar o Ítalo é ao mesmo tempo desafiador e incrível. Desafiador no sentido de que realmente preciso ter uma vida disposta a estar perto dele, porque caso contrário é cada vez mais difícil devido às viagens constantes e compromissos. É incrível porque achei nele o lugar que me sinto em casa, independentemente de onde estivermos. Ele me faz bem, sou feliz e no final de tudo é isso o que importa. Não trocaria por nada do mundo, é perfeito poder viver tudo isso (um sonho) estando perto de quem você ama”.

Ananda Marçal (esposa de Filipe Toledo) – Capixaba e empresária de uma marca de biquínis, investe agora na carreira musical e lançará um single autoral: “Viver com um dos melhores surfistas do mundo já é sensacional, agora, o que ninguém sabe, é que vivo com um ser humano inspirador! Filipe é muito elétrico, não para um minuto, sempre animado para brincar e participar das atividades das crianças e inclusive dos afazeres da casa. Costumo dizer que ele é tão pai quanto eu sou mãe. Aqui não rola a frase “mãe é mãe”. Um cara amoroso, carinhoso e amigo. Somos muito abençoados por termos um relacionamento tão leve, com cumplicidade e principalmente confiança um no outro”.

Patrícia Eicke de Souza (esposa de Adriano de Souza) – A catarinense é empresária e comanda duas lojas da família Souza em Florianópolis: “Eu separo a vida dele de atleta e da pessoa que mora comigo. Adriano é tranquilo, focado, dedicado, sério, determinado e não reclama muito. Mas engana-se quem pensa que ele é de poucas palavras. É muito brincalhão e gosta de papear bastante. Sou fã número 1, fico nervosa, mas amo acompanhá-lo nos campeonatos. Nos primeiros dois anos me levou para todos os lugares do Championship Tour e para conhecer tudo no mundo e foi massa. Já me acostumei a este lifestyle, afinal são 10 anos juntos”.

Jesse Mendes (noivo de Tatiana Weston-Webb) – Natural do Guarujá (SP), entrou para elite mundial do surfe em 2018 e conquistou o título da Tríplice Coroa Havaiana em 2019: “O que mais admiro na Tati é o amor que tem pelas pessoas, sempre querendo ajudar as que estão ao seu redor. Acredito que o amor nos uniu, estando longe ou perto, mas claro que melhor juntos como agora. Ter um relacionamento com uma surfista é muito bom, pois facilita a vida 100%. Se ela não fosse atleta, não entenderia metade das obrigações que tenho. Como passa pelas mesmas situações, conhece e entende melhor toda essa rotina de viagens de última hora, estresse competitivo, espaço pessoal em eventos e assim vai”.